quarta-feira, 29 de julho de 2009

Milfontes...mil aventuras!

Seguímos de Porto Côvo em direcção a Milfontes e até aqui tudo bem eis senão quando... a chegar a Milfontes depois de visitar as Furnas, o rádio da Vacarrinha começa a piscar, mal sabíamos nós o que nos aguardava.
Achámos um sítio para dormir e desligámos a carrinha, quando a tentámos pôr novamente a trabalhar, NADA, a bateria tinha ido ao ar. Vai de empurrar a carrinha para ficar minimamente bem estacionada e acabámos por aí dormir. De manhã contactámos o dono da carrinha que tentou solucionar, apesar de longe, o problema, sem efeito, estávamos sem bateria, sem luz, sem nada, depois de termos passado o dia na praia não era possível de modo algum seguir viagem. Neste dia recebemos a visita de dois amigos, o Pé Curto e o Manuel.
Sendo que nada havia a fazer para termos carro e depois de termos corrido várias oficinas e ficado várias vezes empanados resolvemos assentar por ali. Fomos jantar à Tasca da Vila, bom comer e barato, antes bebemos umas caipirinhas na Vacarrinha. Visitámos alguns bares e discotecas, fomos ao Budha onde cantámos os parabéns ao Borges já depois da meia-noite.
Depois fracassámos ao tentar arranjar um taxi para nos levar a um "bar" fora da vila. Não havendo taxis aquela hora da noite seguimos em direcção à discoteca Sudoeste, estava um pouco vazia, e resolvemos seguir para a carrinha, no caminho achámos outra discoteca, a TOUCH, estava um pouco melhor e virámos mais umas caipirinhas. Seguimos para a carrinha para tentar descansar pois o dia seguinte teríamos que voltar a casa com muita pena nossa!

Aspectos a salientar durante a noite: fomos " atacados " por umas " bifas" no Budha e depois do Touch houve quem ficasse a "namorar" à janela. Fica também a informação que existem muitas mulher em Milfontes...

1 comentário:

  1. Ó Borges, parabéns seu corno, já moras há 35 anos no Serrado....

    ResponderEliminar